A Gestão da Qualidade na Indústria 4.0

Por 14 de junho de 2018junho 15th, 2020Conteúdos de Parceiros, Gestão da Qualidade
gestão da qualidade na Indústria 4.0

A Indústria 4.0 chegou para alavancar ainda mais o mundo. Chamada de quarta revolução industrial, trouxe recentemente um novo conceito de produção. Trata-se de uma junção de tecnologias a partir da interação entre sistemas cyber-físicos, a Internet das Coisas e o Big Data. Desta maneira, se cria uma cópia virtual do mundo real para que as atividades, comunicações e tomadas de decisões sejam feitas de maneira mais ágil. E para que isso ocorra de maneira efetiva, a gestão da qualidade nos processos deve ser excelente.

A Gestão da Qualidade

A busca por uma gestão da qualidade na Indústria 4.0, acompanhada pelas propostas tecnológicas super avançadas, está cada vez mais severa. Nas revoluções anteriores, o foco do desenvolvimento e mudanças, estava no interior físico das fábricas e em suas linhas de produção. Atualmente, esse foco foi alterado para as redes que não se pode ver e para os dispositivos inteligentes presentes nas indústrias. Da mesma forma se dá a busca pela qualidade das operações.

Através dessa nova revolução, os problemas de produção e qualidade antes detectados pelo ser humano, o que demorava um certo tempo, agora podem ser detectados por um sistema em segundos. As novas tecnologias das indústrias conseguem manter a tão requerida qualidade, com muito mais segurança do que antigamente e acabam por evitar gastos e prejuízos desnecessários, com erros que seriam recorrentes em décadas passadas.

Métricas e ferramentas suficientes são oferecidas por sistemas digitais que possibilitam uma produção mais eficiente, isso tudo través de robôs que realizam análises precisas e com pouca margem de erro. A Indústria 4.0 trouxe programações com os chamados sensores IoT e Inteligência Artificial (IA), que conseguem analisar todo o funcionamento das linhas de produção, gerando uma melhor gestão e consequentemente uma qualidade mais avançada dos produtos produzidos.

Além disso, a relação comunicacional entre os operadores de uma fábrica acaba por ser fortalecido. Antes, reportar uma falha ou qualquer detalhe sobre a produção para funcionários de outros setores era demorado e moroso. Agora, as próprias redes fazem esse papel.

Demais qualidades da Indústria 4.0

Além de todos esses benefícios na qualidade de produção, a economia de energia elétrica, a diminuição da poluição do meio ambiente, a economia de água, de matéria-prima, limpeza e organização são alguns dos demais fatores benéficos na qualidade promovida pela Indústria 4.0. É por conta desses, entre outros fatores e pela concorrência comercial acirrada, que tal revolução é apenas o começo do futuro das indústrias.

A Indústria 4.0 e o mercado de trabalho

Pesquisas do setor apontam que em breve, cerca de 35% da mão de obra humana será substituída pelas máquinas com conexão à internet. Esse fator, apesar de gerar maior lucro às indústrias, provoca impactos sociais severos. A falta da oferta de empregos em diversos setores vem assolando o Brasil, gerando uma crise econômica crescente.

De um lado está o empreendedor, satisfeito com essa economia de encargos com pessoal, e de outro o homem, sendo trocado pela máquina. Por conta disso, a busca por qualificação na área digital está cada vez maior. Tal ramo vem movimentando uma grande demanda por profissionais qualificados.