blog-logo

O Blog Docnix possui conteúdo sobre gestão da qualidade, normas, processos e muito mais. Aqui você também encontra conteúdo sobre melhoria contínua e tudo sobre o mundo da qualidade!

A ISO 17025 é a mais conhecida norma técnica internacional sobre competência de laboratórios de ensaio e calibração.  Foi elaborada para que os laboratórios produzam resultados altamente confiáveis e, assim, comprovem ser tecnicamente competentes, sendo a Coordenação Geral de Acreditação do INMETRO (CGCRE) o organismo responsável pela concessão e manutenção da norma. 

O fato da ISO certificar que a amostragem, calibração e ensaios de um laboratório estão alinhadas aos padrões internacionais de confiança e validade, a sua implantação é de extrema importância. Entretanto, muitas empresas encontram dificuldades durante a busca desta certificação. 

Pensando nisso, reunimos aqui 9 etapas estratégicas, elaboradas pelo mestre em gestão da qualidade, Daniel Juliano. Em sua tese, o especialista notou que a sequência de passos deveriam estar em ordens diferentes a das informações contidas dentro da norma, isto porque ela não foi escrita sobre a ótica prática da implantação.

Dica de ouro: Antes de ir para a 1° etapa formalize a implantação da Norma NBR ISO/IEC 17025:2017. Exponha para a alta direção e outros colaboradores a ideia para que juntos possam avaliar o custo x benefício para poderem se planejar de forma mais unificada. 

Etapa 1 – Controle de Documentos

Definir os documentos e a hierarquia que serão criados durante a implantação, estabelecendo o formato do documento, códigos, estrutura, layout, logotipo, entre outras informações. Nessa etapa também é importante definir o software de gestão da qualidade que será implantado, como o DOCNIX, ou se vai usar os recursos que o laboratório já possui.

Etapa 2 – Controle de registros

Os documentos irão gerar uma grande quantidade de registros, para isso é importante estabelecer o procedimento referentes ao registros.  Como será feita a estrutura da organização dependerá do software ou sistema escolhido para a sua gestão.

Etapa 3 – Aquisição de serviços e suprimentos

Seguindo a lógica da implantação, é necessário que o laboratório se prepare e qualifique  para ter um ambiente preparado, elaborando as diretrizes e procedimentos para realizarem aquisições, como por exemplo, calibração de padrões, compra reagentes, compra de padrões, compra de treinamentos, compra de ensaios, entre outras dezenas de necessidades que os laboratórios possuem.

Etapa 4 – Métodos de ensaio e calibração e validação de métodos

Essa etapa é realizada pelo técnico e colaboradores. Nela, deve-se revisar os métodos de todos os serviços que são executados para que possam escolher o escopo para buscar a acreditação.

Etapa 5 – Envolvimento da alta direção e plano estratégico

Neste momento, já há informações suficientes para apresentar para a alta direção e juntos tomarem a decisão pelo escopo escolhido baseado no planejamento estratégico do laboratório.

Etapa 6 – Outras responsabilidades do gestor da qualidade no planejamento e execução da implantação

O responsável pela gestão da qualidade deverá fazer um cronograma do restante das tarefas necessárias para atender as expectativas do prazo de implantação e cobrir os outros itens da norma. 

Executando bem essa etapa, os colaboradores vão se sentindo mais confortáveis e menos resistentes às mudanças entrando num processo de melhoria contínua.

Etapa 7 – Outras responsabilidades do gestor técnico no planejamento e execução da implantação

Essa etapa deve acontecer em paralelo com a anterior, pois é o momento do gestor colocar em prática a etapa 4. Dica: Inicie essa etapa fazendo possíveis reformas que será necessário para o laboratório, como por exemplo, mudança em entradas e saídas de portas, reformas preditivas em geral.

Etapa 8 – Momento de colocar tudo em prática

É a hora de colocar todos os procedimentos em práticas. Em paralelo à aplicação dos métodos, crie pesquisas de satisfação para extrair informações do cliente, fornecedores e colaboradores. 

E quando achar que está tudo transformado, é a hora da auditoria interna, item 4.14 da norma NBR ISO/IEC 17025:2017. Através dela será possível conhecer de maneira mais realística como está implantado o sistema da qualidade na organização. 

Depois, faça uma análise crítica junto a alta direção discutindo todas as não conformidades e outros assuntos que forem pertinentes para dar andamento do processo para a etapa 9.

Etapa 9 – Submeter a solicitação de acreditação ao CGCRE (INMETRO)

Nesta etapa o responsável pela qualidade deverá entrar no site do INMETRO e postar toda a documentação em um prazo de 20 dias. Depois é só esperar pela auditoria para a acreditação que pode levar meses ou até um ano.

Lembrando que, do dia da postagem até a auditoria o laboratório deverá trabalhar como se já fosse acreditado. Dessa forma, poderá ser avaliado se precisará de pequenas mudanças para o desempenho das atividades.

“Apenas com essa mudança na condução da implantação do sistema da qualidade já pode trazer grandes benefícios e economias para o laboratório”

Daniel Juliano
Mestre em Gestão da Qualidade

Selina Jania

Jornalista pela UFG, busca por meio da comunicação efetiva e simples, levar a empresas e profissionais uma visão social da qualidade.

03.04.2020 | Auditoria | Qualificação de Fornecedores | Sistemas de Gestão e Normas

posts relacionados